4 de abr de 2009

Decode

Em janeiro desse ano, fui ao cinema assistir Crepúsculo, e aí.... Puxa! Amei, amei, amei!!!!!!!!!!!!!!!!!!
É um romance lindo! Daqueles que tira o fôlego da gente.
As meninas sabem bem como é, uma tensão amorosa, que nos deixa tremendo, sem ar, sem palavras, sonhando acordada....
Sei que é um filme sobre vampiros, masssss....sempre gostei de vampiros e pelo menos esse primeiro filme conta a história de como o casal se encontrou, como tudo surgiu.
As cenas são bem românticas, mais do que assustadoras.
Quem é que não quer encontrar um amor daquele tipo! Em que sua vida se torna a outra pessoa, nada no mundo é mais importante!
Mal posso esperar pelo segundo filme que já estão gravando.
Fica aqui a tradução e o clipe.
Aproveitem! Enjoy!




Decode (tradução)
Paramore
Composição: Josh Farro

Decodificar

Como eu posso decidir o que é certo,
Com você bagunçando minha mente?
Não posso ganhar suas causas perdidas
O tempo todo.

Nunca vou conseguir conquistar o que é meu
Com você sempre tomando partido.
Mas você não vai tirar meu orgulho
Não, não desta vez
Não desta vez.

(Refrão)
Como foi que chegamos até aqui?
Bom, eu te conhecia tão bem...
Como nós chegamos aqui?
Bom, eu acho que sei.

A verdade está escondida em seus olhos
E está na ponta da sua língua
Apenas fervendo no meu sangue,
mas você acha que eu não consigo ver
O tipo de homem que você é,
Se é que você é mesmo um homem
Bom, eu vou descobrir essa,
por minha conta, por minha conta.

(Estou gritando "Eu te amo tanto”
Mas meus pensamentos você não pode decodificar)

Como foi que chegamos até aqui?
Bom, eu te conhecia tão bem...
Como nós chegamos aqui?
Bom, eu acho que sei.

Você vê o que estamos fazendo?
Estamos fazendo nós mesmos de bobos
Você vê o que estamos fazendo?
Estamos fazendo nós mesmos de bobos.

(Yeah Yeah)

Como foi que chegamos até aqui?
Bom, eu te conhecia tão bem.

(Yeah Yeah)

Como nós chegamos aqui?
Bom, eu te conhecia tão bem...
eu acho que sei.
eu acho que sei.

Há algo que, eu vejo em você
Talvez isso possa me matar,
Eu quero que isso seja real.

Nenhum comentário:

Postar um comentário